• Publicidade

Botox – Para quem é indicado, quais os cuidados e como funciona?

Quando o assunto é disfarçar as rugas e marcas de expressão, a maioria das pessoas se lembra do Botox, um preenchimento facial bastante conhecido e comentado entre os amantes dos procedimentos estéticos. O medicamento utilizado para essa finalidade é originário de uma bactéria chamada Clostridium botulinum e, na realidade, o nome para ele é toxina botulínica, sendo Botox apenas a marca. Mas como todos conhecem o procedimento por este nome, iremos continuar este artigo nos referindo à toxina desta forma, para que fique mais claro do que se trata. Iremos também falar sobre os cuidados com esse tipo de intervenção, para que tipo de marca de expressão ele é mais recomendado e quais os cuidados necessários pós-aplicação do Botox. Confira!

Como funciona o Botox – Entendendo melhor o procedimento

O Botox funciona de maneira bem simples: com o auxílio de uma agulha bem fina, o dermatologista irá aplicar a substância nas rugas e marcas de expressão mais profundas e dinâmicas, fazendo todo o preenchimento deste local. Como consequência, elas irão diminuir bastante de espessura e se tornarão menos visíveis.
O procedimento em si é considerado de baixo risco e dificilmente apresenta efeitos colaterais severos. Mesmo os efeitos mais leves também costumam ser raros e temporários. Mas falaremos disso mais abaixo. O importante nesse momento é entender que o Botox não é definitivo e perde sua qualidade com o passar do tempo – mas isso significa também que ele tem menos chances de causar alergias e problemas de pele, já que é absorvido pelo organismo.
Outro ponto importante para se lembrar é que nos dias de hoje, o tratamento tende a parecer mais natural, diferente do que era visto antigamente. A chamada “expressão congelada” já não é mais o objetivo final do Botox, por isso, é essencial procurar um bom dermatologista para aplicá-lo.

Indicações do Botox – Quem melhor se beneficia dele?

Diferente do que muitas pessoas pensam, o Botox não é voltado apenas para quem já está com idade mais avançada. Ele também pode ser muito útil na prevenção de rugas e para quem tem uma tendência maior de sofrer com marcas de expressão precoces. Vamos às indicações:

  • Quem tem marcas dinâmicas, ou seja, aquelas que aparecem quando sorri ou os chamados pés-de-galinha.
  • Quem deseja prevenir rugas e marcas.
  • Para quem deseja disfarçar as gengivas aparentes ao sorrir.
  • Também é indicado para levantar o nariz (levemente)
  • Para disfarçar marcas de expressão no pescoço e colo.

E também há situações onde ele não é indicado. São elas:

Cuidados e aconselhamentos

Se você pretende fazer uma aplicação de Botox, alguns cuidados são importantes, como procurar um médico dermatologista de confiança, que tenha boas referências e muita experiência neste tipo de procedimento. Também vale a pena verificar com ele se não há outros caminhos mais simples de disfarçar as marcas, como cremes ou mesmo massagens faciais. Se o Botox for indicado, geralmente também há a preocupação do tratamento ser doloroso. De fato, ele pode ser um pouco incômodo, mas isso pode ser facilmente revertido com cremes anestésicos antes da aplicação.
Há quem acredite que o Botox pode minimizar problemas de dores de cabeça, porém, esse tipo de intervenção para essa finalidade ainda não é liberada para a ANVISA.

Em relação aos cuidados após o procedimento, podemos citar alguns itens importantes:

  • Durante as quatro primeiras horas após a aplicação, é importante manter uma rotina de cuidados, pois esse é o momento onde o medicamento ainda está sendo absorvido pela pele.
  • É importante evitar passar cremes na região durante esse período, pois isso pode prejudicar a absorção. Não passe protetor solar ou qualquer outro produto que exija que você massageie a área aplicada. O ideal nos primeiros momentos é deixar o rosto descansando e não colocar a mão.
  • Também é aconselhável evitar muita exposição ao sol, por motivos de segurança. Nas primeiras quatro horas, tente ficar em casa de repouso. Depois, pode voltar a rotina normalmente.
  • Não é uma boa ideia se exercitar nesse momento, especialmente atividades muito intensas, como corridas ou musculação. Lembre-se que um produto foi aplicado e ele precisa ser absorvido corretamente.
  • Por último, a dica é não se deitar. Procure ficar nas primeiras quatro horas sentado e sem forçar muito a região da aplicação.

Como conclusão, podemos afirmar que o procedimento com Botox é bastante simples e não causa efeitos colaterais, com exceção de raros casos onde há a ptose palpebral, que é quando a pálpebra superior fica caída. Mas essa reação é passageira e desaparece após algumas horas. Também há relatos de dores de cabeça nesse primeiro período. No geral, ele é seguro e eficaz, especialmente se feito por um profissional capacitado.

Gostou do artigo? Curta e compartilhe nas suas redes sociais! Até a próxima!

Leia também…
Siga estes 7 passos e elimine a acne de uma vez por todas
Abdominoplastia – Tudo sobre a cirurgia que refaz o abdômen!
Saiba quais os cuidados que devem ser tomados após um processo cirúrgico

Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida.

Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo.

Durante esses anos tenho “corrido” atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida.

Ps.
Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria.

Sou apaixonado séries e filmes de ação.
Adoraria aprender tudo sobre fotografia.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe seu comentário

  • Publicidade