• Publicidade

Conheça a relação entre o peso corporal e a qualidade de vida

Muitas pessoas que vivem abaixo ou acima do peso, sofrem com problemas relacionados à saúde e à baixa autoestima. No artigo de hoje, você vai conhecer a relação existente entre o peso corporal e a qualidade de vida.

Quem está ou já esteve muito abaixo ou acima do peso sabe o quanto é difícil lidar com essa situação. Além de ter de conviver com o risco de doenças, e se tornar propenso para o surgimento de doenças do coração, essas pessoas enfrentam uma batalha interna que só quem vive uma situação como essa pode entender.

O olhar de julgamento das outras pessoas é uma das coisas que mais incomoda quem vive fora dos padrões corpóreos da sociedade. Sempre vai aparecer alguém para fazer uma piadinha sobre o seu corpo, para dizer que você está gorda ou magra demais.

Algumas pessoas costumam lidar relativamente bem com esse tipo de situação e ignorar os comentários negativos. Outras, no entanto, já não têm a mesma sorte.

As pessoas que se incomodam com o que os outros falam delas são as que mais sofrem com o julgamento por peso e aparência física. Muitas dessas pessoas acabam enfrentando problemas graves como a ansiedade e a depressão.

Para quem precisa engordar ganhar peso torna-se uma tarefa absolutamente complicada. Quem precisa emagrecer simplesmente não consegue se livrar dos quilos a mais porque se julga inferior, graças aos comentários maldosos de outras pessoas.

Pessoas assim acabam se privando de uma série de coisas. Muitas delas, perdem a vontade de sair de casa, de falar com amigos ou de ter um relacionamento, tudo por causa do peso.

Quanto esse tipo de situação acontece, é necessário tomar uma providência. Não dá para ficar parado, de braços cruzados, se julgando inferior ou menos que o outro simplesmente porque o seu corpo tem um padrão diferente do que é imposto pela sociedade.

Vencendo o medo e valorizando a qualidade de vida

Se você está acima ou abaixo do peso, e já cansou de ouvir comentários negativos sobre a sua aparência, procure analisar a sua situação antes de tomar qualquer providência.

Em primeiro lugar, é preciso deixar claro que nunca devemos entrar em um processo de emagrecimento pelo outro. A nossa maior motivação deve partir de nós mesmos.

Portanto, se você está acima do peso, mas está com a saúde em dia e não tem vontade de emagrecer, continue exatamente como você está! Se necessário, faça um acompanhamento psicológico para compreender que as pessoas são diferentes uma das outras e que não há nada de errado com isso.

Não dê ouvidos para o que os outros dizem e aprenda a gostar de si mesma. Só assim você será capaz de melhorar a sua qualidade de vida.

Se o seu peso corporal influencia na sua saúde, procure uma forma de modificar a sua situação. Encontre exercícios físicos com os quais você se identifique e comece a praticá-los com frequência.

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, a academia não é a única solução para quem deseja emagrecer. É possível encontrar diferentes modalidades de exercícios que promovem o emagrecimento, e encontrar uma que lhe agrade é essencial.

Procure também manter uma alimentação equilibrada. Evite o excesso de açúcar, sal e gordura. Dê preferência para o consumo de alimentos naturais, como frutas, legumes, verduras, hortaliças e sucos naturais.

Você vai perceber que depois de modificar a forma como olha para si mesmo e fazer algo para mudar a sua situação, a sua qualidade de vida aumentará significativamente. Aprenda a gostar de si mesmo e a se amar do jeito que você é!

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe seu comentário

  • Publicidade