• Publicidade

Clínica de reprodução humana pode ajudar mulheres com dificuldade para engravidar

Sabe-se que, para a saúde das mulheres, ter filhos durante a juventude é mais fácil por causa do estado dos óvulos, afinal esta é uma célula que nasce com a mulher e amadure e envelhece com ela.

Por isso, desde muito cedo, as mulheres se vêm na situação de ter de escolher entre a vida acadêmica e profissional ou a maternidade.

E apesar de se tratar de uma decisão definitiva demais para ser tomada ainda na juventude, esse foi o grande dilema para muitas mulheres no passado.

Hoje, graças a ciência, essa decisão deixou de ser um grande problema, já que as clínicas de tratamento de infertilidade são um apoio essencial para garantir que a mulher possa engravidar mesmo na maturidade, caso prefira.

Importante salientar que, nessa idade, a gestação exige maior cuidado, mas com acompanhamento médico adequado, a mulher poderá se sentir segura e no caminho certo.

E é claro, também ficou no passado a ideia de que a mulher lésbica ou bissexual, que estivesse em um relacionamento homo afetivo, não poderia engravidar. A clínica de reprodução humana tem a bela missão de realizar o sonho dessas mulheres.

O que acontece na clínica de reprodução humana?

A clínica de reprodução humana é, antes de qualquer coisa, um local onde os profissionais se debruçam sobre cada caso de dificuldade de reprodução, com a finalidade de entender a natureza dessas dificuldades e soluciona-las da melhor forma.

Nos laboratórios podem ser feitos procedimentos como cultura e análise de amostras, além dos procedimentos de captação e fertilização.

Os profissionais são capacitados para entender cada caso e propor o melhor tratamento de acordo com a idade da mulher, e as suas condições de saúde dela, por isso, é natural que sejam pedidos alguns exames que ajudem a equipe médica a ter um melhor panorama da situação.

Quais soluções a clínica de reprodução humana pode oferecer

A clínica de reprodução humana pode fazer a conservação do material genético através do congelamento para possibilitar a gravidez no futuro, caso a mulher assim desejar. Dessa maneira fica ainda mais fácil se programar.

Mas os procedimentos mais realizados nos laboratórios de reprodução, são a inseminação artificial, processo que consiste na introdução de espermatozoides saudáveis diretamente no canal uterino, e a fertilização in vitro, um trabalho mais complexo, no qual os especialistas fazem a coleta do óvulo, e introduzem o espermatozoide diretamente em seu interior.

Na fertilização in vitro, o óvulo fecundado passa por um processo de cultura no qual são avaliados o seu desenvolvimento, para só então ser introduzido dentro do útero.

Para os procedimentos é possível usar o material genético do pai ou de um doador escolhido através do banco de doadores anônimos.

Em todos os casos, a possibilidade de sucesso é bastante alta e são os muitos resultados positivos que fazem da clínica de reprodução humana uma importante aliada das mulheres, que podem finalmente se programar como desejam, e escolher o melhor momento para realizar o sonho de ter um filho.

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe seu comentário

  • Publicidade